The Crown

Análise geral de The Crown

Quando The Crown foi lançada estava ali a produção mais cara da Netflix, sendo uma de suas primeiras séries originais. O retorno foi de imediato, tanto da aclamação por parte do público quanto de crítica positiva e indicações aos principais prêmios.

Claire Foy deu vida à rainha no início de seu reinado, quando ocorre a morte do pai da jovem, e como primogênita ela se ver obrigada a ser coroada, carregando ainda o fardo pesado na época de ser uma mulher no comando da monarquia britânica. A lado de Matt Smith (Philip), Claire finaliza sua participação na pele de Elizabeth II na segunda temporada, cuja a mesma se ver diante de traições, desafios do reinado e conflitos familiares aos quais a monarca faz de tudo para que não haja vazamento de tais problemas na mídia.

The Crown
Claire Foy viveu Elizabeth II nas duas primeiras temporadas de The Crown

A atriz fechou com chave de ouro o seu trabalho, levando pra casa o Globo de Ouro e o Emmy (considerado o Oscar da TV internacional) como melhor atriz drama!

Na atual temporada, coube a experiente Olivia Colman, a já “oscarizada” em 2019 com a estatueta de melhor atriz pelo longa A Favorita (que por curiosidade também interpreta uma rainha) a fazer a líder na fase adulta; ou madura como preferir chamar.

The Crown
Helena Bonham Carter (da saga Harry Potter) é a princesa Margaret na atual fase de The Crown.

Essa terceira temporada surpreendeu, sem deixar nada a desejar, mostrando a personagem principal vivenciando as consequências de suas tomadas de decisões não só no cargo proposto como as intensas mudanças dos primeiros ministros que insistem em deixar a função em momentos difíceis, mas também na vida pessoal, lidando com os filhos jovens, sonhadores e idealistas.

Destaco aqui SEM SPOILER, três episódios que foram o ponto auge da série: o 2, intitulado “Margaretologia” trouxe o protagonismo da fantástica Helena Bonham Carter (realmente não tinha escolha melhor para atuar como a irmã rebelde, princesa Margaret) que se viu pela primeira vez nos holofotes da atenção sendo instrumento de interesse do governo para acordo com o temido Estados Unidos.

Outro episódio pra ser lembrado é da coroação do Charles como principe de Gales, lugar esse onde não era bem aceito e teve que aprender a lingua local para o discurso de posse com um professor considerado nacionalista, totalmente contra a monarquia britânica.

The Crown
A química entre Olivia Colman e Tobias Menzies na terceira temporada de The Crown chega a transbordar da tela, uma verdade crucial pra quem está assistindo…

Por último e não menos importante, “Poeira Lunar”, relatou o grande evento de 1969, feito histórico da ida do homem a lua, algo que pra Philip (Tobias Menzies, incrível por sinal no papel) o marcou de maneira forte e inesperada, pois o mesmo era aviador. O esposo da rainha também fez questão de receber no palácio Neil Armstrong e sua equipe que se tornaram heroís mundiais.

Leia mais: DOUTOR ESTRANHO 2- SAM RAIMI É O NOVO DIRETOR

Poderia ficar aqui citando grandes momentos da terceira temporada de The Crown atribuindo vários exemplos do que aguardar para a quarta season que será a penúltima e pasmem… encontra-se toda gravada em pós produção! Porém encerro sem me estender mais ao lembrar que prometi aqui pra vocês não ter spoilers (risos).

Reader Rating0 Votes0
5

Leia Mais
Kindle Touch tem 3G livre no mundo todo, mas só para baixar livros
%d blogueiros gostam disto: