Apresentamos nesse post mais uma alternativa de pagamento de produtos e serviços pelo celular: o Card.io, fruto de uma startup com sede em San Francisco, Califórnia, EUA. A empresa desenvolveu um sistema que transforma a câmera do iPhone ou de smartphones Android em um leitor de cartão de crédito, tornando o recebimento de pagamentos pelos seus serviços mais simples.

Card.io (Foto: Divulgação)Card.io (Foto: Divulgação)

O Card.io foi criado pelos ex-funcionários da AdMob Mike Mettler e Josh Bleecher, e eles desenvolveram um sistema que se destaca pela simplicidade de uso. Para que o sistema funcione, basta posicionar o seu cartão de crédito diante da câmera do seu telefone. O software “lê” todas as informações pela câmera e o pagamento é automaticamente processado.

Reconhecimento numérico do cartão (Foto: Divulgação)Reconhecimento numérico do cartão (Foto:
Divulgação)

Inicialmente o Card.io tem como objetivo atrair os desenvolvedores de aplicativos iOS, especialmente aqueles voltados para a área de e-commerce, comerciantes, comércio de bilheteria (cinemas, estacionamentos, etc), serviços de viagem, dentre outros.
A empresa tem apenas 9 meses de vida, e eles gastaram seis meses desenvolvendo a tecnologia do Card.io, que inclui recursos de reconhecimento de caracteres para a leitura dos números do cartão de crédito.
Diferentemente de outros sistemas de escaneamento de dados e softwares de leitores de cartões, o Card.io não precisa da interferência humana para verificar a autenticidade dos dados lidos. Segundo os seus idealizadores, tudo está programado para que o sistema faça a leitura com alta precisão. Porém, a empresa não informa qual é a porcentagem de acerto do sistema. Eles só dizem que a “grande maioria” dos escaneamentos serão precisos, e é aí que entra em ação o seu algoritmo de aprendizado: quando mais dados o sistema lê, melhor o software é executado, pois sua “curva de aprendizado” aumenta.
A empresa desenvolvedora já recebeu US$ 1 milhão em investimentos para o desenvolvimento do Card.io. Entre seus investidores estão executivos como Michael Dearing, da Harrison Metal, Jeff Clavier e Charles Hudson, da SoftTech, e Manu Kumar, da K9 Ventures. Os desenvolvedores de aplicativos iOS interessados em participar do beta privado do serviço podem obter maiores informações de como proceder clicando aqui.

Via Read Write Web.