O melhor e mais lucrativo jogo do gênero na Ásia!

RPG é um termo usado para jogos de representação de papéis. Já nas décadas de 80 e 90 o saudoso D&D fazia muito sucesso e possui adeptos até os dias atuais (e não são poucos). O RPG também é encontrado no meio eletrônico como jogos que conquistam milhões de jogadores ao redor do mundo. Este tipo de jogo permite que o jogador crie seu próprio personagem, combata monstros em prol de uma missão ou por idealismo pessoal, conquiste níveis, adquira habilidades, construa clãs, duele contra outros jogadores ou “Bosses” (chefes) de calabouços, entre muitas outras coisas mais cotidianas como: ter uma profissão.

Já MMO é, basicamente, um termo para designar uma conectividade massiva simultânea, ou seja, um MMORPG é um jogo aos moldes do bom e velho RPG que permite que muitos jogadores ao redor do mundo possam se unir para enfrentar grandiosos desafios, praticar o companheirismo e participar de batalhas épicas.

MU Legend-1

Hoje eu apresento a vocês um MMORPG muito conhecido que traz agora uma nova saga. Conheceremos o MU Legend!

MU legend logo

WEBZEN-LogoVamos voltar um pouco no tempo. Em 2003 a desenvolvedora coreana Webzen, trouxe ao mundo o grandioso MU Online (ou MU Global). Após vários escândalos de “descaso” para com a comunidade decorrentes da venda dos direitos do jogo para a K2 Network, a Webzen recuperou os direitos do jogo assim que o contrato com K2 terminou.

MU Online s11

O universo de MU Online é completamente envolto de fantasia e histórias místicas sobre o continente de MU e seus países/regiões. O jogo possui – atualmente – oito poderosas raças: Dark Knight, Fairy Elf, Dark Wizard, Magic Gladiator, Dark Lord, Summoner, Rage Fighter e Grow Lancer.

 

O continente de MU vivia em paz e seu rápido desenvolvimento levou seus líderes a uma cega disputa por poder, trazendo o caos ao mundo. O antigo manto branco da paz foi manchado pelo sangue da guerra. E foi neste período que Antonias, um lorde ambicioso, libertou as forças de Kundun, um demônio ancião que, após ser liberto, trouxe às terras de MU ainda mais desgraça e sofrimento. Somente unindo as oito partes da pedra do selo se pode aprisionar Kundun novamente e terminar este sofrimento.

A qualidade gráfica poligonal do jogo com visão isométrica aliada a sua fantástica lore fazem de MU um dos melhores jogos do gênero! Porém, abandonemos um pouco a nostalgia e vamos agora avançar no tempo, para 2016 e 2017, mais precisamente, vamos ao: MU Legend.

A nova história que vivencia o continente de MU vem com um enredo um tanto quanto mais enxuto, possui uma introdução simples, porém convincente. A primeira cinemática, após ter criado o char, é bem rápida e logo você já pode controlar seu personagem em um tutorial que, também, é o momento em que a introdução da história é passada para o jogador.

Uma guerra sem fim travada entre Rugard e Sekneum — respectivamente o deus da luz e o deus da destruição. Quando Sekneum foi derrotado por Akneria, o Criador Supremo, ele roubou um corpo humano que usaria como receptáculo para retornar ao mundo. No entanto, um grande mago de nome Kundun encerrou Sekneum no próprio corpo, o que pôs um fim ao ciclo e prenunciou a paz.

A paz durou um milênio, mas não continuaria para sempre. Incapaz de resistir à atração exercida pelas forças do mal, Kundun sucumbiu à tentação e despertou como um senhor das trevas. O mal que nele habita agora assola o mundo e derrama o sangue por toda a terra. MU está à beira da destruição.

(Lore Oficial de MU Legend)

Basicamente o jogador é um grande cavaleiro que está em uma batalha ferrenha contra o exército de Kundun. Você e os outros cavaleiros estão ali para ajudar um poderoso mago, Icarus, a impedir que o Lorde da Escuridão Kundun reine sobre o mundo. Porém, Kundun se mostra muito mais poderoso que Icarus, então, o mago usa seu poder para enviar o jogador para o passado, dando-lhe a missão de impedir que o demônio ancião se liberte.

MU Legend-2Nessa viajem ao passado o jogador perde todo o seu set (armadura, manopla, elmo, joias…), além de ter o nível de personagem e o nível anímico resetados. As habilidades e magias também são perdidas (aquele típico início de MMORPG). Dinheiro e gemas? Pode esquecer! O jogador perde tudo, inclusive sua memória. Então, você terá que treinar muito para subir seu nível, realizar missões para ganhar dinheiro e experiência, aprender as habilidades e recuperar a memória.

O jogo MU Legend ainda não está completamente finalizado, ele está em fase de Beta Fechado (Closed Beta). O primeiro Beta foi lançado para a comunidade no dia 25 de Outubro de 2016 e manteve os servidores abertos até o dia 08 de Novembro de 2016. Durante este período, todos que conseguiram uma Key (chave de acesso restrito para o beta fechado) puderam testar o jogo enquanto os servidores estavam abertos.

O jogo está muito caprichado, mesmo para um CBT os gráficos estão muito bonitos, respondendo bem a proposta do jogo. A ambientação (composição de cenário, música, animais, etc) estão bem harmônicos. A jogabilidade é bem fluída, tendo em vista que a proposta do sistema de combate do jogo é ser um Hack n’slash (bater e fatiar), não tem muito segredo. As animações estão minimalistas, limpas e sem muitas cores vibrantes, o que evita que a tela, em um combate, vire um carnaval de cores e acabe havendo poluição visual. As habilidades são, em sua maioria, de AoE (Área de efeito) e Skill Shot, e toda movimentação do jogo é feita através de Point n’click (clicar com o mouse).

Estilo de Combate
Estilo de Combate
Skill Shot
Skill Shot
Movimentação
Movimentação
Habilidade em área
Habilidade em área

No quesito trilha sonora, apesar de como citei em ambientação o jogo ser excelente, existem momentos do game em que a trilha sonora fica meio fora de contexto, porém, levando em consideração que é um Closed Beta, tenho certeza que será corrigido durante os preparos para o Open Beta.

MU Legend conta com instâncias muito divertidas e, de fato, desafiadoras dependendo do nível de desafio – pelo menos para se explorar sozinho –, o que reforça o modo Coop (cooperação) ou Party (equipe) que as instâncias possuem. O jogador poderá upar, farmar dinheiro e drops/loot, farmar itens essenciais para a fabricação de sets mais fortes, etc. Ao clicar em uma instância você poderá selecionar que nível de dificuldade você gostaria de enfrentar. As dificuldades vão desde Normal até Calamidade.

O CBT1 de MU Legend também nos apresentou as cinco principais classes do jogo. São elas: Dark Lord, Whisperer, Blader, War Mage e Emphasizer.

Dark Lord

É o “brucutu” do jogo. A árvore de habilidade dele pode pender tanto para o lado tank robusto, quando para um híbrido com dano e resistência. Possivelmente o mais simples de se jogar pela segurança de suas builds, já que da pra construir algo bem balanceado. Um ponto positivo da classe é que possuí habilidades de cura em área, além de buffs como escudos.


Whisperer

Rangers, furtivos, rápidos e com ataques muito poderosos. Eu diria que é uma ótima classe de apoio em se tratando de dano, porém, são frágeis caso um personagem cole neles. Ficam ali no meio termo entre o dano físico de um Blader e o dano mágico de um War Mage. Talvez eu só os escolhesse porque usam arco e flecha.


Blader

O famoso “charzão da p*rra”. Aparência robusta, com músculos nos músculos, o Blader é o dano físico bruto do jogo. Consegue ser resistente e tanker até certo ponto, porém ele brilha mesmo quando tem que causar dano massivo em multidões. Um char perfeito para flanquear e para iniciar as lutas. Se você gosta do estilo kamikaze, faça uma build com lifesteal e seja feliz jogando com o Blader, vai mais recuperar vida que perder, e se der acerto crítico então… Meu deus!


War Mage

Apesar da aparência frágil e pálida os War Mage são muito poderosos. Se os Bladers são o dano físico bruto, o WM é o dano mágico seco! Consegue dizimar hordas de inimigos com duas habilidades – dependendo do nível, basta uma habilidade só –. Apesar de serem extremamente frágeis quando recebem ataques físicos, provavelmente o inimigo morre antes de conseguir ficar a um metro de distância, que seja. Então, se quer jogar com um War Mage, saiba que vai precisar de um bom regen de MP (mana point) e atenção para não ser pego de surpresa.

Closed Beta 2

MU Legend CBT2

Desde que os servidores fecharam no dia 08 de Novembro de 2016, a ascendente comunidade de MU Legend veio compartilhando sua ansiedade pela segunda fase do CBT e, no dia 21 de fevereiro de 2017, o tão aguardado Closed Beta 2 foi liberado. Os servidores ficaram abertos até o dia 28 de fevereiro de 2017.

Nesta segunda fase do CBT nós tivemos a inclusão da tradução do jogo para PT-BR, além de alguns detalhes e outros que foram corrigidos e acrescentados. Por experiência de outros MMORPG que foram traduzidos para o português, vide PW (Perfect World), havia certa preocupação sobre em como seria a tradução do jogo. Porém, já foi verificado que até o momento está muito boa; o jogo não só está bem traduzido como localizado para nosso idioma.

Desde o CBT1 que tivemos a classe Emphaziser visualmente disponível, porém, agora no CBT2, ela foi traduzida para Mesmerizadora, e isso trouxe algumas possíveis especulações sobre a personagem.

A Mesmerizadora ainda não está “jogável”, apesar de aparecer como possível para a seleção, a personagem está bloqueada para uso de jogadores. Eu (Yago “Grydius” Werner) acredito que talvez essa seja uma classe mais voltada para o support. Apesar de classes como Dark Lord, possuírem skills que realizam cura em área, escudos, debuffs e buffs, não há uma classe voltada para o support de fato. Mas, apesar disso, ela também pode ser uma personagem de dano cadenciado, no estilo Control Mage (mago de controle), possuindo habilidades como maldições, DpS (dano por segundo), entre outras habilidades de controle de grupo. Particularmente não vejo mais um personagem de dano massivo. Acredito que poderiam trazer algo com mais utilidade em equipe, mas que saiba se virar sozinho.

Mas e você, o que acha dessa personagem? Olhando a armadura dela e o estilo da animação, acha que ela terá que utilidade no jogo?

Existe um hype bem forte na comunidade do jogo por “como será?!” quando ele for oficialmente lançado. Eu, particularmente, acredito que o jogo não irá revolucionar o cenário de MMORPG, porém, com toda certeza podemos esperar um jogo épico com bastante ação e eventos memoráveis.

MU Origin

Infelizmente o CBT2 terminou no dia 28/02, então, o que fazer agora que o CBT acabou? Não há uma data oficial ainda para o lançamento do OBT (Open Beta Test), mas se sabe que todos os servidores do CBT sofrerão wipe para que no OBT todos os jogadores comecem do zero. Então, até o OBT ser oficialmente divulgado, talvez você queira jogar o MU Origin!

O MU Origin é a alternativa do continente de MU no seu aparelho mobile. É bem divertido e quebra um bom galho enquanto você espera pela versão OBT de MU Legend!


O que você está esperando?! Acesse agora o site de MU Legend, e já garanta seu pré-cadastro para esse MMORPG maravilhoso!

Nota pessoal:

NOTA MU LEGEND

COMPARTILHAR
Posts anteriorTaboo | A minissérie de Ridley Scott e Tom Hardy
Próximo PostCRÍTICA – Logan
Werner é um gamer de 21 anos de idade. Sendo especialista em roteiro e criação, atua como desenvolvedor de jogos digitais. É escritor e um professor viciado em chocolate amargo, RPG e MOBA.Melhor amigo de um gato bipolar que passa a maior parte do tempo tentando dominar o mundo. Um bom psicólogo pros amigos e amante da literatura fantástica. “Get over here!”.