Voltei jovens!

E com força total. E olha essa volta triunfante just like a Jon Snow. Pensou que eu tinha morrido né? Mas não, estou de volta pra dar spoilers dos seus filmes e series favoritas e fazerem vocês não dormirem pela noite. E comecemos bem? Comecemos com os dois últimos eletrizantes episódios dessa serie que acabou e já sinto saudades pakas. Ainda não assistiu a season finale que passou domingo?  Que peninha! Pare agora mesmo, e não leia até o final, ou leia e é por sua conta e risco.

Imagem-01

Primeiramente, vamos falar da Guerra dos bastardos, que foi excepcionalmente perfeita do inicio ao fim, nem vou falar dos outros arcos da serie, vou deixar você assistir e me contar depois, porque, de fato, o que interessa nesse penúltimo capitulo é essa guerra eletrizante de Jon “de nada sabe” Snow e pequeno Ramsay “fdp extremo maior” Bolton (Vulgo: Ram Snow). A produção dessa batalha foi tão bem feita que até nos detalhes chamou atenção, como a desorganizada tropa dos selvagens que não tem coordenação alguma pra atacar a frente do sincronizado e “sinfônico” exército Bolton. Sansa Stark mostrou que serve pra alguma coisa, e enfim, fez parte crucial na vitória do seu irmão bastardo convocando as tropas do seu “amado” Mindinho.

Imagem-02

Não foi economizado efeitos nesse episódio. Temos o gigante quebrando tudo, chuvas de flechas, a cena irônica de Jon das Neves desembainhando a espada em frente a todo o exercito, Ramsay Bolton fazendo o pequeno Rickon Stark correr em linha reta para os braços do big brother e morrer logo em seguida com uma fechada no peito e umas mais no corpo depois e lógico a tão esperada morte do antigo senhor de Winterfell bastardo, que de tanto transformar seus amados entes queridos e irmãos em ração, provou do próprio veneno, finalizando esse episódio com uma bela mordida na cara e virando um delicioso Pedigree Adulta Raça Grande.

Imagem-03

Chegando ao Season finale, em respeito a muitos, não vou falar muito sobre esse episódio que muita gente não gosta de spoiler e não vai gostar de saber que Cersei Lannister continua sendo uma víbora em grande escala e mata junto ao seu meister, a porra toda, ela simplesmente explode o parlamento(?) com o Pardal (você disse pipoca?), Margear e seu irmão Loras que tinha acabado de assumir seus erros e deixado de ser gay pra ter uma nova chance, mas tudo foi pelos ares. Também não vou contar que logo após isso, Montanha mantinha o rei, filho da Cersei que esqueci o nome agora, em segurança longe dali, mas o guri, quando viu a explosão pela janela e soube que sua amada e linda esposa tinha se explodido, literalmente, foi de encontro a calçada, se jogando de cima do prédio cometendo um suicídio dele mesmo. (Haha). Isso eu não vou contar. Vou deixar pra vocês assistirem porque sou um cara legal.

Imagem-04 (1)

Mas como a internet não tem escrúpulos mesmo, vou contar alguns fatos que aconteceram durante o episódio que é justamente o que vai ligar a próxima temporada, tais como: Cersei Lannister, ENFIM, (Acaboooooooouuuu, É tetra = Leia-se com a voz do Galvão) virou rainha dos sete reinos, por pura pressão e aparentemente seu irmão e amado não gostou muito dos métodos. Não fugindo dos Lannister, vimos o pequeno Tyrion Lannister recebendo um broche de mão do rei pelas mãos da Mãe dos Dragões (Quase chorei nessa hora, quem mais? õ|). Também temos a parte da querida Arya Stark se vingando com classe do Casamento vermelho, repetindo os atos que levaram a mamãe dele a ver papai do céu e continuando na família Stark, vemos Bran Stark sendo deixado ao pé da muralha pelo tio zumbi Benjen (Sim, é zumbi, mas não vou dar spoiler ainda sobre esse fato) e o mesmo explicando que não pode ultrapassar aquela linha por ter magias antigas de proteção. Logo após o nosso amado aleijado ser deixado no chão, ele toca a árvore vermelha e tem a visão que parou a noite de domingo, mas não vou contar o que aconteceu.

MENTIRA, vou sim. 🙂

Ele volta a ver a continuação da visão do pai dele Ned que ainda estava com a cabeça no lugar que vai encontrar sua irmã Lyanna Stark que acabara de dar a luz a um “serumaninho”, que até então todos todos acreditavam ser de Robert Baratheon, mas aí, em leito de morte ela pede pra seu irmão não contar pra ninguém de quem ele é filho, que não é de Robert e sim de outro homem “meio-louco” e que seria um bastardo. Vai o cut-scene e abre na cara de Jon Snow. Suponha-se então a teoria que realmente o nosso amado bastardo é filho do Rei Louco, Raeghar Targaryen, sendo sobrinho da senhora “Não consigo criar um nickname”, tendo assim sangue de Dragão nas veias. O episódio acaba com os navios dela chegando a algum lugar que comento numa próxima oportunidade. Até lá!

Imagem-05

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here