Criada por Álex Pina, a série espanhola La Casa de Papel foi feita para passar na emissora Antena 3, e lógico nossa querida Netflix fez uma parceria e nos presenteou com essa série incrível que aos poucos foi ganhando o coração do público.
Parte do elenco de La Casa de Papel

A série foi lançada sem muito alarde, mas logo foi parar na boca do povo – pelo menos no Brasil a série fez grande sucesso. Eu fui uma dessas, assisti por recomendação de um amigo que garantiu que a série era boa (ultimamente ele tem acertado). Depois de muito tempo fui conferir o resultado: maratonei a série quase toda em um dia.

Uma série sobre um plano genial para assaltar a Casa da Moeda? Pode ser atrativo, ou não para alguns, mas só assistindo para ver que a série tem um roteiro incrível.

Impossível não nos lembrarmos dos filmes de roubos à banco que passavam na televisão, como O Plano Perfeito (Spike Lee) e Atração Perigosa (dirigido por Ben Afleck). Se o diretor se inspirou nesses filmes eu não sei, mas esses tipos de filmes estão aos montes na filmografia, porém o diretor caprichou para dar um toque singular na história. Esse tipo de obra que fascina, principalmente jovens e adolescentes, com planos tão incríveis que faz até você respeitar os bandidos, cenas de ação e tensão que deixam você ligadão na tela. Na série tem esse sentimento também!

Agora imagine tudo isso junto, porém muito mais potencializado, um plano muito mais genial com plots inesperados, tensão de fazer rir de nervoso, dividida em 13 episódios de uns 40 minutos de puro drama, frio na barriga e ação.

La casa de papel nos apresenta o plano genial do Professor – é como ele se denomina – (Álvaro Morte) para assaltar a Casa da Moeda e para tal realização ele recruta 8 criminosos para executar seu plano perfeito. Apesar da genialidade do Professor, o plano não sai exatamente como ele quer… daí em diante muita tensão vai rolar. A temporada se passa praticamente toda dentro do banco, os assaltantes permanecem lá durante três dias, mas o desenvolvimento da trama fica cada vez mais interessante sem deixar o público entediado. As histórias paralelas se encaixam perfeitamente e se conectam com tudo! Tudo tem propósito na trama. A série conta também com flashbacks (adoro!), um recurso que pode ser de grande auxílio na narrativa quando bem usado e aqui foi bem utilizado! Eles nos ajudam a conhecer mais sobre os personagens (mais especificamente os assaltantes) onde percebemos suas fragilidades, passado, pontos fortes, objetivos e, claro, a preparação para o dia D.

Vale a pena assistir?!

As atuações são incríveis! Cada ator dá vida de forma convincente aos seus personagens.

Apesar disso, nem tudo são flores, LCP (me permitam abreviar) conta com algumas falhas, como algumas cenas dramatizadas demais e certos momentos acabam sendo lentos também. A trilha sonora certas vezes falha ou falta. Porém, no conjunto da obra, acabam sendo detalhes que não comprometem a qualidade final da série.

A segunda temporada (que na real é a segunda parte da primeira temporada) vai estreiar na Netlix dia 06 de abril. Então, se você não conferiu essa série dê uma chance 😉 Espero que goste.