O ano de 2017 foi riquíssimo para o cinema, com filmes importantes que variaram desde os grandes blockbusters até filmes independentes e autorais!

Farei uma breve retrospectiva com os filmes que considero imperdíveis para aqueles que querem recuperar e correr atrás em 2018.

De Canção em Canção (Song to Song)

O Cineasta Terrence Malick volta em 2017 para mais um de seus controversos filmes! Com um elenco recheado de estrelas, o diretor vai trabalhar as dualidades humanas utilizando como narrativa a cena musical independente.

Mãe! (Mother!)

Em mais um retorno à cadeira de diretor, depois de seu trabalho em Noé, que não foi muito bem recebido pela crítica e público, Aronofsky opta dessa vez por um viés mais intimista e não tão megalomaníaco, o que fez bem para a sua assinatura. Em Mãe! ele vai abordar temas interessantes como o processo de reinvenção do artista e crescimento individual, sem deixar é claro, sua acidez de sempre.

O Sacrifício do Cervo Sagrado (The Killing of a Sacred Deer)

Yorgos Lanthimos certamente é um dos cineastas mais interessantes do últimos anos, visceral e cruel em sua assinatura, o grego não poupa esforços para deixar o espectador incomodado, o filme gera uma agonia que beira o doentio com uma junção de beleza e crueldade.

Blade Runner 2049

Denis Villeneuve contrariou todos os pessimistas quanto à sequência do clássico de Ridley Scott, com uma marca visual moderna e autoral, o diretor expande o universo do primeiro filme e aborda novos temas em um espetáculo visual estonteante.

Bom Comportamento (Good Time)

Felizmente, parece que Robert Pattinson conseguiu se desprender do estigma de Crepúsculo. O ator tem feito ótimas escolhas para seus projetos, optando por trabalhar com grandes diretores e com ambições bem mais interessantes, como é o caso de Bom Comportamento, filme que é todo construído através de sua atuação, que conseguiu mesclar uma espécie de “homem errado” com pitadas de humor e até terror psicológico.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here