Os rumores sobre o lançamento da iTunes Store brasileira aumentam. A última novidade sobre o assunto está ligada a uma importante questão para o consumidor: qual será o valor cobrado pelas faixas disponíveis na loja?

iTunes (Foto: Divulgação)iTunes (Foto: Divulgação)

A revista Época fez uma matéria sobre a chegada da iTunes Store no Brasil, e o detalhe mais importante divulgado na matéria é que, pela primeira vez, os valores das faixas individuais foram mencionados. A matéria afirma que o valor determinado pela Apple para cada música é de R$ 1,99. A publicação também informa que as gravadoras gostariam de estabelecer uma variação de preços, de acordo com a qualidade de produção de cada faixa, que seria entre R$ 0,49 e R$ 2,49.
Os envolvidos no assunto se silenciam, mas através do silêncio acabaram confirmando as negociações. Aloysio Reis, presidente da Sony/ATV Music Publishing, por exemplo, disse à Época que “Não posso falar nada. É um acordo de absoluto silêncio entre nós e a Apple”. Outro executivo, não identificado na matéria, afirma que as gravadoras ainda pensam no antigo formato de negócios, e a Apple oferece uma proposta nova, clara, com uma mecânica diferente do modelo atual. “As gravadoras com sede no Brasil querem elevar os preços. É a velha ganância que enterrou o negócio da música”, diz o executivo.


Fato é que, enquanto a discussão continua, a Apple segue preparando o lançamento da loja brasileira. Nomes como Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Victor & Léo, Emicida, Gal Costa, Paula Fernandes, Roberto Carlos, Di Ferrero, Cláudia Leite, ivete Sangalo, Malu Magalhães, entre muitos outros estão confirmados para disponibilizarem suas faixas na iTunes Store Brasil no ato de sua estreia. A Apple também pretende iniciar a venda de Gift Cards nos valores de R$10 e R$40, para incentivar os usuários brasileiros que não pretendem usar o cartão de crédito como forma de pagamento.

Via Mac Magazine.