Pense na seguinte situação, amigo leitor: você descobre um restaurante novo na cidade e resolve ir até lá para conhecer o local e os pratos que eles oferecem. Então, você se depara com uma grande variedade de delícias culinárias e fica bem indeciso sobre o que escolher.
Cliente controla pedidos e visualiza os pratos no Inamo, em Londres (Foto: Reprodução)Cliente controla pedidos e visualiza os pratos no Inamo, em Londres (Foto: Reprodução)
Afinal, tudo o que você vê no cardápio é muito tentador. Mesmo com uma descrição completa no menu, alguns pratos acabam tendo uma aparência bem diferente do que você imaginou. E, acredite, o visual é muito importante para uma boa refeição.
Se você precisa “ver para crer”, apresentamos uma novidade que pode interessar. O restaurante Inamo, localizado em Londres na Inglaterra, resolveu solucionar o problema do “que cara tem esse prato?” com um sistema chamado E-Tablet. O recurso foi desenvolvido para oferecer um maior controle do cliente na hora da escolha do prato. O sistema utiliza projetores instalados no teto, que projetam nas mesas o menu e fotos dos pratos disponíveis.
Usando um controle de toque na mesa, os clientes podem navegar pelo menu e fazer os pedidos. Conforme o cliente faz as suas escolhas, o E-Tablet projeta na mesa como vai ficar o prato, oferecendo uma ideia de como é o alimento que será consumido em breve. É parecido com um sistema adotado em Taipei, chamado iCusine.

Ao que tudo indica, os menus interativos serão uma tendência nos restaurantes ao redor do mundo. Mas ainda não dá pra saber se esse tipo de tecnologia pode realmente melhorar a experiência do jantar. Ou se é apenas um estágio de uma tecnologia futura, que será ainda melhor. Abaixo, veja um vídeo (em inglês) sobre o restaurante Inamo e o seu E-Tablet.