Lembra que eu falei aqui sobre a dúvida em relação a permanência de Robert Downey Jr. como Tony Stark/Homem de Ferro? Então, pois é, parece que a coisa tá realmente caminhando pra direção de ‘Homem de Ferro sem Downey Jr.’.

Um dos diretores de Capitão América: Guerra Civil, Joe Russo, deu uma declaração à Forbes que soou como um soco no estômago dos fãs do cabeça de lata.

“É quase impossível substituir o Robert, ele é a maior estrela de cinema do mundo. Um close nele vale pela performance inteira de outro ator, ele é insanamente talentoso. Acho que se, e quando, ele terminar com o personagem, você vai perceber que o Homem de Ferro vai desaparecer por algum tempo. Acho que a única forma que você pode refazer esse personagem é dar o espaço de uma geração, que vai permitir a outro ator pelo menos ter a chance de redefinir o personagem, sem a enorme sombra do Robert pairando ao redor. Existem tantos personagens no universo da Marvel que podem pegar esse espaço e ir para a próxima fase, ou até depois, antes de você precisar ver o Homem de Ferro novamente”.

Ao que tudo indica, depois de Guerra Infinita – próximo filme d’Os Vingadores -, o contrato do ator com a Marvel chegará ao fim e não veremos mais Tony Stark nas sequências do UCM. Aparentemente, o personagem entrará num tipo de stand by, até mesmo para o público ter um tempo de adaptação para um novo ator assumir a armadura.

A gente sabe que nesse meio a mudança de atores é normal por várias razões (veja ai o caso do Homem Aranha, por exemplo), mas Robert Downey Jr. será eternamente nosso querido e amado Tony Stark, o que deixará a armadura mais pesada para o próximo que a usar.