imagem

O diretor de marketing de hardware da Sony, John Koller, afirmou que a data de lançamento ocidental do PlayStation Vita foi atrasada de forma a garantir que os estoques sejam suficientes à demanda no lançamento. Segundo ele, o portátil deveria sair ainda neste ano, a tempo do Natal, mas acabou atrasado para fevereiro.

De acordo com ele, a passagem do feriado das compras não deve ter um efeito significativo nas compras, uma vez que os gamers estão dispostos a adquirir um Vita de qualquer maneira. Koller conta que, de acordo com estudos da Sony, 60% dos usuários do PSP pretendem comprar um Vita, assim como 63% dos jogadores de consoles de mesa.

As afirmações foram feitas em entrevista ao site All Things Digital.

Sony alega que console seria lançado em dezembro em terras ocidentais.

por lucas1245, fonte: Tecmundo