Arquivos

Gavião Arqueiro

Alerta de Spoilers – Gavião Arqueiro 01×04

Este texto contém spoilers. Repetindo, SPOILERS
Caso você não tenha lido o título

A essa altura, já podemos cravar duas coisas. Em primeiro lugar, “Gavião Arqueiro” é a série em live action que menos conquistou o público. Mesmo assim, ela segue sendo uma das mais bem acabadas produções audiovisuais do MCU em 2021. Eventualmente as pessoas se darão conta disso.

Acontece que o público parece duplamente mal acostumado. Querem histórias grandiosas, no nível dos grandes crossovers e com impactos enormes e um monte de lutinha brega. Ao mesmo tempo, querem que essas coisas tipicamente infantis sejam “sérias“. “Sério” aqui como sinônimo de profundidade.

“Gavião Arqueiro” vai na contramão dessas ambições do público, e seu engajamento sofre com isso. Veja bem, não existem pretensões nesta série, nenhum desejo de potência oculto como Zack Snyder ou Chloé Zhao almejam. Menos ainda, tenta esconder sua verve adolescente como fazem os Irmãos Russo. Antes de tudo, o que temos aqui é uma série autêntica na sua breguice. E quem não sabe que é brega, em geral, não gosta de espelhos. Mas vamos aos spoilers.

Vera Farmiga não me engana

Já falamos, no texto da semana passada, que Vera Farmiga é uma atriz grande demais para um papel pequeno e apagado. Neste episódio tivemos pistas nesse sentido. Antes de tudo, o episódio quatro começa exatamente onde o terceiro acabou. Jack Duquesne está com uma lámina sobre o pescoço de Clint quando é interrompido por Eleanor que vê a cena com espanto. O drama se dissolve rapidamente quando o casal se dá conta de que Kate está andando com um vingador.

Se tivemos um momento interessante com o Espadachim sendo trabalhado em tela e fora dela, a cena de romance entre ele e a mãe da protagonista logo depois dela se impor sobre Clint ordenando que ele se afaste da filha dela foi feita para nos distrair. A personagem de Farmiga tem as mãos sujas, anotem o que eu digo – e para quem foi aquele telefonema?

Gavião Arqueiro

Além disso, a construção de relação afetiva com todos os personagens que envolvem Clint e tiveram o que fazer nesse episódio apenas por essas poucas linhas de diálogo são excelentes. A esposa de Clint, que já ganhou o coração de todos quando apareceu em “Era de Ultron“, mais uma vez se mostra mais que um puxadinho do arco do Gavião.

Depois disso, a interação de Clint e Kate, curtindo o natal e desobececendo a ordem da mãe da menina dá mais mostras que a infuència clara aqui é algo como “Duro de Matar” e “Máquina Mortífera”. De novo, sem medo de ser bobo, temos discussões sobre flechas especiais e truques com moedas. Pelo menos, antes que o elefante na sala apareça.

A seguir: O Gavião versus o Ronin

Nesse ponto, a série volta a tratar de seus traumas. Clint finalmente fala de Natasha e isso é muito bom. “Qual sua flecha favorita”, Kate pergunta. E a resposta de Clint é linda e toca os fãs. A flecha favorita é aquela que ele nunca disparou, a que estava destinada a Natasha e que se tornou uma mão estendida.

Clint abre o jogo com Kate e conta que ele é o Ronin. Mais do que isso, finalmente assume que está fazendo todo aquele jogo para lidar com seus pecados enquanto era, nas palavras dele, uma arma. Kate tenta animá-lo, mas Clint não se deixa perdoar. E está certo.

Antes, nos episódios passados, ele disse ter sido a Viúva Negra que teria matado o Ronin. Todos os comentaristas na internet disseram que ele estava mentindo ali, mas não vi ninguém dizendo o óbvio. O Ronin está vivo, e sempre estará. Natasha foi uma luz que ajudou Clint a manter essa sua face escondida na escuridão, mas quem precisa enfrentar esse lado da persona do Gavião é ele mesmo.

Assim, numa tentativa de reaver aquele relógio lá do primeiro episódio – e que ganha ares de importãncia agora, Kate se vê enfrentando a Echo enquanto Clint se vê num embate muito difícil com a nova Viúva-Negra. A coisa esquenta, temos muito drama pela frente…

Ah, se com tudo isso “Gavião Arqueiro” não te empolga, seu coração já é uma pedra. E se esse for o caso, recomendo a maior lição dessa série agora: Entre para um grupo de Swordplay.

Assista no Disney Plus