Arquivos

Crítica | Loki – Primeira temporada, 2021

Loki” encerra sua primeira temporada revelando-se como a possível pedra fundadora de toda a nova fase da Marvel nas suas mídias audiovisuais. E quando trabalha as possibilidades desse novo passo, o faz de uma forma competente, pisando em lugares seguros ao mesmo tempo que surpreende por saber exatamente onde quer chegar.

As mentes por trás do MCU conhecem muito bem o seu ramo de trabalho. Os filmes da Marvel são blockbusters de engenharia precisa, combinando ação e emoção, cenários e histórias de fundo, em proporções praticamente perfeitas, e a primeira incursão na televisão com “WandaVision” foi um sucesso fantasticamente sofisticado.

A seguir, “Falcão e o Soldado Invernal” trataram de lidar com o legado de mais de dez anos de filmografia, colocando as peças certas no tabuleiro certo. “Viúva Negra” estreou finalmente, depois de uma eternidade de adiamentos (em razão da pandemia) e, se não bastasse ser um arrasa quarteirão de bilheteria, provou que a linha que separava as produções de TV da tela grande já não existem mais.

Então chegou a vez de Loki, que soube muito bem brincar com as expectativas criadas até aqui e nos enganar, tal qual se espera do deus da mentira. Se numa mão nos mostravam o desenvolvimento do personagem de Tom Hiddleston no primeiro plano, em segredo a série se mostrou na verdade o primeiro passo do grande evento que estão a nos preparar.

Se em 2008, todos no cinema se espantaram com uma cena pós crédito que indicava o futuro, em 2021 o mundo nerd está calejado. O desafio aqui, no entanto, continua o mesmo: sair na frente da concorrência, apresentando ao seu público a extravagância de um mundo maior do que apenas um universo compartilhado. Um glorioso propósito, se me permitem dizer.

Embora tenha começado em circunstâncias desconcertantes, a série tinha um trabalho ingrato. Oferecer em pouco mais de quarenta minutos todo a evolução de Loki ao longo de toda uma franquia, além de apresentar novos personagens e engajar o público com gags interessantes e personagens cativantes.Especialmente com o roteiro de Tom Kauffman, a série ainda desce ao completo absurdo em muitos momentos, permitindo que diferentes Lokis se voltem uns contra os outros.

Nem sempre funciona, mas aí que o talento de Kate Herron e do competente elenco se mostra forte, segurando firme a atenção do público nos momentos em que se força a barra. Um feito notável e que se extende agora à já confirmada segunda temporada. São novos tempos, novos mundos a se explorar e o que a produção revela em seus derradeiros minutos é um convite a apertar os cintos em uma viagem ainda mais insana. E como posso tirar as palavras da boca de um personagem surpresa: “Vejo vocês em breve”.


loki primeira temporada
Loki, 2021
Disney +
Direção: Kate Herron
Roteiro: Tom Kauffman

Elenco: Tom Hiddleston, Owen Wilson, Sophia Di Martino,
Gugu Mbatha-Raw, Wunmi Mosaku, Jonathan Majors

Assista no Disney+