Crítica- O Homem do Norte- grandioso, brutal e mitológico

O Homem do Norte ( The Northman) o aguardado novo filme do diretor Robert Eggers finalmente chegou aos cinemas brasileiros e posso dizer que valeu muito a espera.

O filme é grandioso brutal e feito nos mínimos detalhes da era dos vikings e da mitologia nórdica

Robert Eggers preenche a tela com maestria a riqueza não está somente nos bons diálogos mas nas lutas e batalhas épicas. Robert por sua vez já considerado um ótimo diretor desde os seus dois primeiros filmes A bruxa e O Farol

Agora em seu terceiro filme ganha em grandiosidade e num orçamento robusto diferente dos outros, mas se engana quem pensa que ele perde com isso.

Fica ainda melhor e posso dizer que estava aguardando um filme sobre mitologia nórdica como esse sem saber.

Para quem ama mitologia e os vikings O Homem do Norte é um prato cheio, fiquei passada e maravilhada como as coisas foram retratadas como a Yggdrasil. Árvore mítica e sagrada da mitologia nórdica, entre outros, foi um trabalho minucioso e muito bem estudado

Elenco afiado em O Homem do Norte

O elenco está ótimo Alexander Skarsgård está maravilhoso como Amleth um personagem visceral quanto brutal, Claes Bang excelente como Fjölnir, Nicole Kidman e Anya Taylor Joy estão incríveis como Gundrun e Olga respectivamente e mesmo aqueles que aparecem pouco tem seu brilho em tela como Willem Dafoe e Ethan Hawke

Apesar do filme ter mais de 2 horas não é cansativo e passa muito rápido

Veja o trailer

Sinopse

Depois de testemunhar o assassinato do pai pelas mãos do seu tio Fjölnir, e ver sua mãe e reino tomados pelo assassino, o jovem Príncipe Amleth foge para retornar anos depois, já adulto, determinado a fazer justiça.

Curiosidade o ator Oscar Novak que faz o jovem Amleth fez também o jovem Bruce Wayne em The Batman

A história do filme do conto mitológico dinamarquês foi a inspiração para william shakespeare em Hamlet

Robert Eggers merece fazer muito mais filmes com orçamentos grandes pois da para ver o quanto ele ama fazer filmes.

E nós só temos a ganhar com isso digo o cinema e os fãs

É um filme que merece ser visto nos cinemas

Nerd baixinha sem tatoo, apaixonada e entusiasta da cultura pop, ama tanto cinema como livros, série e tv.

You don't have permission to register