Arquivos

Crítica – Respiro

O portal Nerd Tatuado foi convidado para a cabine de imprensa do serviço de streaming Belas Artes à La Carte para o premiado filme Respiro.

Trazemos a você em primeira mão, a nossa opinião sobre este elogiado drama italiano, sendo o vencedor do Grande Prêmio da Semana da Crítica no Festival de Cannes 2002.

Delicadeza em uma ilha italiana

Com a multipremiada atriz italiana Valeria Golino no papel de Grazia, a trama se passa em uma ilha local com paisagens deslumbrantes e um mar de dar inveja, sendo Grazia uma mãe que busca sua própria liberdade e seu lugar ali.

Valeria tem uma extensa carreira principalmente em seu país natal. A partir de 1988 como a jovem Susanna, namorada de Tom Cruise e com Dustin Hoffman no aclamado Rain Man, que Valeria começou a ganhar destaque.

A personagem que a mesma interpreta no longa desta publicação, é casada com o bruto mas devoto e apaixonado pescador Pietro, que juntos tem 3 filhos… Marinella, Pasquale e o caçula Filipo.

O cotidiano da ilha é mostrado principalmente pelos olhos do jovem por vezes rebelde, porém, muito preocupado Pasquale (que fica a cargo do jovem iniciante Francesco Casisa, em grande atuação). Ele e uma turma se aventuram pela ilha ao mesmo tempo em que enfrentam rivais.

O drama é muito bem desenvolvido, sendo dirigido por Emanuele Criales e produzido por Domenico Procacci. Curiosamente, o diretor escalou, com exceção de Valeria Golino, atores amadores. Apesar de uma imensa carga dramática, o filme trás sensibilidade e delicadeza com momentos pontuais cômicos, que o torna numa produção que vale pena ser vista!

Grazia aparenta ser uma mulher irresponsável, o que contraria seu jeito amoroso com os filhos e o marido.

Parece não querer nada com a vida, somente mergulhar por vezes nua nas praias paradisíacas da ilha onde vive, o que choca muita gente. Mas o que muitos não entendem, é que ela é uma mulher de espirito livre.

A família não entende suas mudanças aparentemente repentinas de humor, tais como momento de raiva, alegria, tristeza e que muitos a consideram como louca. Os filhos se sentem responsáveis pela mãe, principalmente Pasquale.

 Atuação destaque de Valeria Golino

A entrega da atriz Valéria Golino no papel de Grazia é de se aplaudir, e a cada cena o espectador consegue compreender mais a sua personagem.

Pietro, o marido de Grazia, se mostra cada vez mais preocupado com o estado da esposa e pede ajuda a comunidade poder ajudar a mulher. Sua brutalidade vem do mar, por ser pescador.

A família busca, da sua maneira, ajuda para poder entender e tratar Grazia e suas peculiaridades.

Vista como louca pela população, eles indicam a Pietro para que leve Grazia a Milão para ser tratada em um hospital, pois eles a consideram desequilibrada e lunática, e em seus ataques, Pietro e a família a socorrem através de injeções de calmantes.

As cenas do mar são lindíssimas, com fundo de saxofone com piano, deixando tudo mais lindo ainda. A força e o respiro, Grazia encontra no mar e nas voltas pela ilha na lambreta azul ao lado dos filhos.

Ilha de pescadores

Apesar de ser um drama, ele tem momentos divertidos. A ilha italiana também ganha destaque por mostrar a vida dos pescadores, tanto pelo lado bonito quanto pela vida simples e até difícil.

Desta maneira, vemos uma bela família que não estão livres dos problemas. O entrosamento e a química dos atores do círculo familiar central é especial, passando uma conexão de amor a quem assiste.

As crianças e adolescentes também têm importância na trama, com suas aventuras e brigas entre turmas rivais através de romances juvenis. Filipo é o que traz o alívio cômico na história.

As águas trazem o respiro para a união da família e tem papel fundamental no roteiro. O estilo de filmagem nos lembra dos clássicos como o Poderoso Chefão, Tubarão, paisagens que parecem se passar nos anos 80.

Mostra ser um pouco estranho, porque dá a impressão de ser um filme “velho”, mesmo tendo sido lançado em 2002. A trilha sonora é marcante e bem conectado aos momentos do enredo.

Nós indicamos ele por ser além um produto sensível e que está fora do circuito das atrações atuais de Hollywood, conhecendo um pouco mais do culto cinema italiano e suas nuances.

Você poderá encontrar ‘Respiro’ a partir do dia 01/04, na plataforma de streaming do Belas Artes.

Avaliação: 4 de 5.

 

Karen Araki
Nerd baixinha sem tatoo, apaixonada e entusiasta da cultura pop, ama tanto cinema como livros, série e tv.