Arquivos

Resenha | Love, Death and Robots – 2 temporada

Depois da aceitação enorme da primeira temporada de “Love, Death and Robots” na Netflix, a série antológica se consagra mantendo a qualidade que lhe valeu um Emmy em 2019. Embora com menos epísódios, merece a admiração de um público que já se encontra carente de outras séries no formato da consagrada “Black Mirror“. Na verdade, esta última frase parece partir de quem carece de referências, uma vez que a antologia animada bebe na fonte original da “Heavy Metal“, muito mais inventiva e original do que “Black Mirror” jamais foi.

love-death-and-robots

Criada por Tim Miller (Deadpool) e David Fincher (Clube da Luta, Alien 3), a primeira temporada contou com 18 episódios de curtas de ficção científica, terror, suspense e comédia que ultrapassaram com léguas de distância qualquer expectativa dos espectadores. Agora, dois anos depois, a segunda temporada finalmente chegou e a surpresa, num primeiro momento é negativa: a nova leva conta com menos da metade do número de episódios da primeira temporada. Apenas 8 no total. É inevitável que o fã, abrindo sua plataforma de streaming hoje, tomado de ansiedade se pergunte: “Por que a nova temporada é tão mais curta?”

Se você está preocupado com isso, se acalme. Um dos maiores méritos de “Love, Death & Robots Vol.1” era a grande variedade de histórias. O número de episódios era um bônus. Embora aqui estejam reduzidos o tempo assitindo a série, este tempo é bastante bem aproveitado. Seja numa pagada Lovecraftiana (ou seria uma homanegem a Joe Hill que homenageava Lovecraft?) no episódio do trem, ou na curta e certeira reiterpretação de Papai Noel, ou mesmo nas empolgantes cenas de ação de um futuro sempre pouco promissor. Mas nem por isso desesperançoso.

A sensação que tive é que neste ano triste e sofrido que vivemos, os produtores e realizados resolveram nos dar uma folga. Nada aqui realmente nos traga para a dor, ao contrário de alguns ótimos episódios da primeira temporada, mas mesmo assim tocam e encantam pela qualidade estranha e pelo bizarro atraente. Com certeza, a diversidade geral da série não é afetada pelo corte mais curto. Continuam as misturas de estilos e tons que adoramos, continuam as excelentes tônicas sociais e políticas e continua a filosofia que, desejamos, os bons artistas seguem amntendo viva na ficção especulativa.

 

 

Love, Death and Robots –
Segunda temporada
2021
Netflix
8 episódios