Alerta de Spoilers – Obi-Wan Kenobi (1×03)

ESTE TEXTO CONTÉM SPOILERS. REPETINDO, SPOILERS
CASO VOCÊ NÃO TENHA LIDO O TÍTULO

A série da Disney+, “Obi-Wan Kenobi” continua com um desafio e tanto. Neste terceiro episódio, a trama tenta avançar a história ao mesmo tempo que emula os filmes originais prestando homenagens à duas gerações de fãs.

Acima de tudo, finalmente temos mais espaço para Hayden Christensen, outrora odiado e agora ansiado pelo público, e seu encontro com Ewan Mcgregor.

Tentando encontrar um caminho para casa

OBI WAN

O episódio abre com Obi-Wan tentando se conectar com a força e entrar em contato com seu mestre. É uma cena muito interessante, uma vez que em off podemos perceber como as memórias do protagonista atrapalham sua conexão com a força.

Nestes pequenos detalhes, a série mostra como está bastante integrada ao universo da série. Ao contrário do ritmo frenético do segundo episódio, este avança com um início lento. Obi-Wan e Leia (Vivien Lyra Blair) tentando encontrar uma forma de escapar de planeta topmado pelo império.

A jovem menina e sua interação com o protagonista continuam roubando a cena e ela logo inventa uma história para que consigam uma carona. O perigo do império ainda os ronda e, perseguidos por sondas do império, acabam tendo alguns momentos de diálogo interessantes.

Enquanto isso, no lado sombrio

Se a série continua nos enganando não sei. Fato é que ao que parece, o Grande Inquisidor segue morto. Por outro lado, parece improvável que façam um retcon tão drástico que apague toda a primeira temporada de “Rebels” ao mesmo tempo que anunciam o retorno de vários dos personagens da série na vindoura série da Ashoka.

Ainda assim, até que alguma explicação seja dada, o conflito entre os inquisidores avança. Todos querem cair nas benesses de “Lord Vader” e isso coloca todos em rota de colisão com o protagonista.

Admito que me surpreendi com a presença do maior vilão da série já no terceiro episódio. Vader é o maior trunfo de Star Wars e, embora sua presença aqui seja desde o início marcante, é estranho gastarem tanto armamento agora.

De qualquer forma, Vader é perfeito em sua participação. Tão brutal como foi sua participação em “Rogue One”, aqui ele é uma força de destruição imparável. O conflito com Obi-Wan mal pode ser chamado assim, já que o mestre jedi está abalado e pouco mais faz do que tentar sobreviver.

Ao fim, terminamos o episódido como se fosse um interlúdio. É um plouco frustrante que voltamos meio que ao mesmo ponto do primeiro episódio. Obi-Wan procurado e Leia capturada, o que forçará o herói a ir de encontro ao perigo mais uma vez.

Muda a escala, mas o drama segue o mesmo. Assista no Disney+.

You don't have permission to register